A CABRA E A SUA REPRESENTATIVIDADE PARA O SIGNO DE CAPRICÓRNIO


A Cabra é um animal que gosta de viver solitário e livre. Ela reage rapidamente a qualquer contato, assim é a base do Signo de Capricórnio que é por essência solitário, costuma enfrentar seus problemas sozinho, não sabe dividir, ele acredita em sua própria força e procura resolver tudo sem o auxílio dos amigos ou companheiros.
Na imagem completa do signo vemos um animal mágico, meio cabra e meio peixe. Ele remete à uma história grega sobre a Amalteia.

Zeus (como é chamado na cultura grega) ou Júpiter (cultura romana), é filho de Cronos (Saturno) e Reia. Porém seu pai devorava todos os seus filhos quando nasciam, pois, ele tinha medo de ser superado algum dia.

Mas, Zeus foi salvo por sua mãe e entregue a proteção de Gaia (Terra), que para alimentar o pequeno garoto teve auxílio de uma cabra com poderes mágicos chamada Amalteia. Por ser um ser odiado por todos por causa de sua aparência, a cabra vivia isolada e por isso criou muita afeição pelo pequeno Zeus que com sua ingenuidade de criança nunca viu nada de feio no animal. Ao decorrer dos anos Zeus crescia cada vez mais forte devido a sua linhagem e a amamentação mágica de Amalteia.

Mas, era chegado o momento de alguém colocar um final à maldade de Cronos e então, Zeus se sentiu pronto para tal missão. Temendo a morte de seu único amigo, Amalteia se sacrificou deixando informado para o garoto de que sua pele era mais forte do que qualquer armadura e seu chifre que o alimentaria para sempre.

Ao partir, Zeus levou consigo todos os ensinamentos da sua ama de leite, preparou uma bebida que fez seu pai vomitar todos os filhos que havia engolido e perdendo a luta para Zeus, Crono teve que se isolar e aceitar que seu filho era realmente o mais poderoso e o Deus supremo do Panteão.

Como símbolo de sua gratidão à Almateia, Zeus juntou tudo que restou da sua grande amiga e a transformou na Constelação de Capricórnio.




Nenhum comentário:

Postar um comentário