OXUM



 

Oxum é um orixá feminino das águas doces, dos rios e cachoeiras, da riqueza, do amor, da prosperidade e da beleza, cultuada no candomblé e umbanda.

Através de mamãe Oxum, os fiéis buscam auxílio para a solução de problemas no amor, uma vez que ela é a responsável pelas uniões, e também na vida financeira, a que se deve sua denominação de “Senhora do Ouro”, que outrora era do Cobre, por ser o metal mais valioso da época.
Ela é classificada sob um dos orixás do 
preservativo brasileiro. O brasileiro Candomblé é uma religião originária da África. Essa religião foi desenvolvida no Brasil com alguns padres escravizados. Candomblé é a mistura de sua mitologia e cultura africanas. Por último, o Candomblé foi originado principalmente em Salvador, no Brasil, que é a capital da Bahia. Nesta religião, Deus é adorado, assim como outros indivíduos são conhecidos como orixás. Um dos orixás é Oxum.

Oxum é uma mulher bonita definida como o deus do amor e do dinheiro. Ela é muitas vezes confundida com um orixá diferente chamado Onus. Osun passa a ser o protetor dos Ori. Ao olhar para uma foto de Oxum, pode-se notar como ela é linda. Ela é ilustrada como uma mulher bonita. Ela tem longos cabelos escuros e seu físico está em ótima forma. Ela está sempre vestindo amarelo e em uma mão ela carrega um espelho.







Oxum carrega muitos poderes com ela. Ela é o orixá do amor, da água doce e da fertilidade. Todas essas características lhe dão poder sobre muitas pessoas. Como o orixá da fertilidade, ela está sob a proteção de todas as gestações. De acordo com o Candomblé, ela adora engravidar, mas não gosta de criá-los.

Os crentes também acreditam que ela dá seus filhos a um de seus irmãos, que é Oryx. Ela é dona de ouro e gosta de estar em todos os lugares onde o ouro será definitivamente. Portanto, não é surpresa que suas cores sejam amarelas e douradas. Ela é sempre vista vestindo roupas amarelas, o que simboliza o poder que ela tem sobre o ouro. Oxum também mora onde há água. Este será um lugar como nascentes, riachos e rios.

Ela também acredita que os doces, como mel, vinho e perfume, devem ser oferecidos a ela. Ela é amada e alguns contos implicam que ela é uma sereia com um rabo de peixe.


Nenhum comentário:

Postar um comentário